Acabei de Ler #30

GUARDIÕES DA GALÁXIA VOL. 01 – O DESAFIO FINAL (COMPRE AQUI)

De Donny Cates, Geoff Shaw, Marte Gracia e David Curiel. Os Guardiões da Galáxia não existem mais. Depois da morte do Thanos, Drax atingiu seu propósito e “se sacrificou”. Rocky descobriu que as mesmas manipulações genéticas que o criaram o estão matando. Gamora virou a mulher mais procurada do Universo. Sobraram apenas um falante Groot e Peter Quill. Mas a possibilidade de renascimento do Thanos reúne uma equipe ainda mais improvável, e de poder descomunal, e eles são os novos Guardiões da Galáxia. O Donny Cates começa muitíssimo bem sua passagem pelo título. Uma história com ação do início ao fim, quase sem interrupções. Você fica sem fôlego lendo essa edição. E como tem citação ao Knull na história, tudo faz parte do Catesverso. Ansioso pro próximo volume.

LENDAS DO HOMEM DE AÇO – GIL KANE VOL. 02 (COMPRE AQUI)

De Gil Kane, Marv Wolfman, Cary Bater, Roy Thomas e Joey Cavalieri. Esse segundo volume é até melhor do que o primeiro, apesar de serem histórias típicas da Era de Prata, mas ainda assim não é pra mim. As primeiras histórias aqui, que tem participação especial dos Forgotten Heroes, são bem divertidas. Foram escritas na sua maioria pelo Marv Wolfman, com exceção da última, escrita pelo Roy Thomas e com participação especial do Capitão Marvel!

FULLMETAL ALCHEMIST VOL. 22 (COMPRE AQUI)

De Hiromu Arakawa. A Guerra explodiu de vez. Depois do plano pra manter o Orgulho preso, Ed age pra tentar acabar com os planos dos humunculos de vez. A General Armstrong também mostra a verdadeira intenção ao agir no meio do alto comando militar do país. Esse gibi vai ficando cada vez mais violento a cada edição que passe. Na verdade, já acho que ele já se alongou demais e não vejo a hora de encerrar essa história.

A COLEÇÃO DEFINITIVA DO HOMEM-ARANHA VOL. 20 – O OUTRO: EVOLUÇÃO OU MORTE PARTE 2

De J. Michael Straczynski, Peter David, Reginald Hudlin, Mike Deodato Jr. , Mike Wieringo e Pat Lee. Segunda parte da saga “O Outro”. Ela começou bem legal, mas termina de um jeito esquisito. O confronto final com o Morlun foi bem anticlimático. Terminou muito rápido e logo no começo desse segundo encadernado. O resto foi a jornada de renascimento do Peter e uma apresentação dos seus novos poderes, que aparentemente foram esquecidos pela Marvel depois dessa história. Visão noturna, um sentido de aranha 2.0, hipersensibilidade e, é claro, os ferrões saindo dos braços. Mas como o próprio Peter fala durante a história que aranhas não possuem ferrões. Uma licença poética esquisita do Straczynski. No final, aparece o Tony Stark construindo o novo uniforme do Peter pra época da Guerra Civil.

X-MEN: INFERNO VOL. 01 (COMPRE AQUI)

Mais uma das grandes sagas mutantes que a Panini republicou. Esse primeiro volume é basicamente um prólogo da saga, envolvendo os títulos do X-Factor, dos X-Men e dos Novos Mutantes. O X-Factor já havia se revelado ao público como uma equipe de mutantes, e eles estão bem populares, pois haviam acabado de salvar Nova York do Apocalipse e seus cavaleiros. Os X-Men haviam sido dados como mortos, depois da Queda dos Mutantes e estavam se estabelecendo na Austrália. Já os Novos Mutantes tinham acabado de perder o Cifra, e o Magneto estava voltando novamente pra sua personalidade vilanesca. Eu particularmente gostei mais das histórias do X-Factor, principalmente pelos desenhos do Walter Simonson. A saga começou bem e já deixou com vontade de continuar a leitura.


  iTunes   Fale com a gente!

Deixe uma resposta